Notícias

Reflexões Quaresmais - 11: Os Dez Mandamentos

Reflexões Quaresmais - 11: Os Dez Mandamentos

Aproveitemos esse tempo de Quaresma e reflitamos as nossas faltas a partir da compreensão dos Dez Mandamentos.

sagrada face

Mensagem de 5 - 29 de agosto de 1990

- do Céu, Eu vos ordenei não cobiçar as coisas alheias e nem cobiçar a esposa do vosso próximo, dos leigos aos sacerdotes, esse Mandamento também não foi observado; revelei Meu Amor por toda criatura na Terra com Meu Sacrifício, e, através desse Sacrifício, dei-vos vida eterna e Minha Mensagem de Amor; muitos de vós pregais o amor, o perdão, a humildade, a tolerância, a santidade, vezes sem conta, no entanto, até o dia de hoje, estais prontos para matar por não conseguir o que desejais; continuais a atirar setas venenosas uns contra os outros, porque não tendes o que dei ao vosso próximo; desde o tempo de Meu Abel até o dia de hoje, esse pecado é constantemente repetido;

o primeiro homem a cobiçar as coisas de seu irmão foi Caim, mas quantos mais Cains existem hoje? e quantos mais Esaús? motivados pela conveniência e nada mais, ele renunciou a seu direito de primogenitura, caindo na apostasia; por que não seguir o exemplo de Abel e serdes santos? se tu que Me louvas noite e dia e ainda cobiças os bens de teu próximo, peço-te que te arrependas! se Me perguntares: "como estou cobiçando os bens de meu próximo, Eu, que Vos consagrei Meus bens, minha vida e tudo, como estou cobiçando seus bens?" Eu te direi: teu espírito cobiça o espírito de teu próximo, e até mesmo os dons que dei a seu espírito; o demônio armou uma cilada para tua alma, não caias! de onde estas guerras e batalhas entre vós começaram em Minha Casa, se não foram principalmente por ciúmes espiritual? Caim queria algo que não conseguiu, então matou Abel; Esaú queria algo e renunciou a sua primogenitura para obtê-lo; tendes uma ambição que não conseguis satisfazer e, então, ou ignorais a felicidade de vosso próximo para desagradá-lo, ou saís dispostos a matar;

em verdade Eu vos digo: se no coração já sentes a amargura do ciúmes, ou uma ambição egoísta, jamais reivindiques algo para ti próprio ou encubras a Verdade com mentiras, pois onde encontras ciúmes e ambição, encontras desarmonia, hipocrisia e tibieza; não continues pecando, arrepende-te! e não te influencies por aqueles nomeados pelo falso profeta e que são membros da morada de Satanás; não os escute;

Eu, em breve, descerei com Meu Trono no meio de vós, por isso vem e arrepende-te enquanto há tempo; vem, tu que vacilas e hesitas entre o bem e o mal e que te introduzes na casa de teu vizinho e consegues cativar mulherzinhas carregadas de pecados, possuídas por toda sorte de desejos, sempre aprendendo, mas sem jamais poder atingir o conhecimento da Verdade;252Tim 3, 6-7. percebe o quão deplorável és de se olhar e não compreendas mal Minhas reprovações; percebe como te amo; trabalha para Minha Glória e não olhes para tua esquerda nem para tua direita; pois, se olhares para a esquerda verás lobos famintos prontos para saltar em ti e te fazer em pedaços, e se olhares para tua direita verás um fosso, cavado para nele caíres; sê feliz, então, geração com o que te dei e partilha como Eu partilho contigo;


272Tim, 6-7.

AVVD-05 - 29 de agosto de 1990
Os Dez Mandamentos

­