147. “No encontro com Vassula, em Brasília, curei-me de uma Leishmaniose.”

 

Conheci as palavras da AVVD em 1995, aqui em Brasília. Na época, eu era Major e estava na ativa no Exército.

Um amigo católico (na época - confesso - trabalhava literalmente pela força humana), o Coronel GILENO (trabalhávamos juntos em Brasília), contatou-me, inicialmente na intenção de que eu desenvolvesse o planejamento da segurança física de Vassula. Isso não foi necessário, tendo em vista que o evento transcorreu no ginásio da Polícia Militar daqui e ela se encarregou de parte da segurança do evento. Em seguida, fui transferido para a Amazônia e permaneci lá por mais de oito anos. Estava a "reboque" e nem sabia...

A partir daí, em nenhum momento, as imagens do encontro com Vassula aqui, em 1995, e as palavras (livros) abandonaram a minha vida. E, num momento crítico da minha existência, elas foram decisivas para que eu sobrevivesse e hoje pudesse, para honra e Glória do Senhor, estar aqui desenvolvendo este "sonho".

No encontro com Vassula, em Brasília, curei-me de uma Leishmaniose. Toda a minha família é evangélica (esposa e filhos), mas vejo e sinto a necessidade ENORME de que se crie a União entre os cristãos... Ontem, o Bispo Hugo, de SP, um homem de FÉ, que eu admiro muito, pois se diferencia bastante de muitos que eu vejo (infelizmente) em algumas pregações, disse algo muito interessante: ele falou sobre Revelação e, como os "crentes" conhecem bem a Palavra, mas não vivem nela!... Hoje, acontecem muitas coisas que são uma verdadeira tristeza...

Savio
Brasília-DF,
Brasil

testem separa