Logo

Beth Myrian

AVVD-Beth Myriam - Salvador

AVVD-Beth Myriam - Salvador

 

1. Breve histórico da AVVD-Beth Myriam (quando foi fundada e em que local funciona). Referência: ver: Blog AVVD-Beth Myriam - Salvador

É importante lembrar que antes da construção da casa distribuíamos a sopa e o pão no meio da rua. Depois alugamos alguns quartos para recebermos as pessoas. As aulas da catequese, às vezes, eram feitas embaixo de uma árvore em um chão de terra batida. Dificuldades!!! Muitas!!! Mas, muitas bênçãos também. A presença de Deus era sentida e o trabalho de Nossa Senhora era bonito de ver.

Histórico:

Em 2006, após recebermos a visita da então coordenadora da Verdadeira Vida em Deus no Brasil: Paulina Oliveira, que nos deu a ideia de abrirmos uma Casa de Maria aqui em Salvador/BA., surgiu o entusiasmo e as orações abriram as portas para o que foi o começo da nossa Casa: no primeiro sábado de março de 2006, o nosso pequeno grupo da AVVD de Pirajá aventurou-se em terras desconhecidas, com amor no coração e panelas com sopa nas mãos. Entregamos a sopa no meio da rua e as pessoas foram chegando e tivemos nosso primeiro contato. Foi animador... A partir de então, não paramos mais! Em 2009, Vassula e o Arcebispo Jeremias, além do Altino, Paulina, Cida e outros da AVVD nacional, nos visitaram. Vassula ficou tão comovida com nossas acomodações tão pobres, que fez um apelo e conseguimos construir nossa própria casa inaugurada em outubro de 2010. Foi uma festa. Até hoje lembramos com grande alegria a visita dos nossos irmãos. Que Deus os abençoe.

 

Galeria de Imagens

Salvador-Casa de Maria: reunidos em oração.
01
Salvador-Casa de Maria: distribuindo alimentos.
02
Salvador-Casa de Maria: distribuindo alimentos.
03
Salvador-Casa de Maria: distribuindo alimentos.
04
bm-salvador: O Natal acontece com sua doação.
05
bm-salvador: O Natal acontece com sua doação.
06
bm-salvador: O Natal acontece com sua doação.
07
bm-salvador: O Natal acontece com sua doação.
08

 

2. Número de voluntários/voluntárias

8 voluntárias

3. Número de pessoas atendidas

Aproximadamente 200

4. Atividades realizadas pela AVVD-BM

Distribuição de sopa, pão, roupa, calçados, remédios, brinquedos, enxovais para estantes, catequese, grupo de oração de adultos com leitura das mensagens da AVVD - Festival das crianças, Missa de Natal com o coral das crianças.

5. Número de refeições servidas

Aproximadamente 200 pratos de sopa.

6. Tipo de refeições servidas

Sopa ou alimentos de última necessidade (leite, café, farinha de mingau, feijão, açúcar, etc.)

7. Dias e horários de funcionamento durante a semana

Sábado das 14:30h. às 17:00h.

AVVD-Beth Myriam - Goiânia

AVVD-Beth Myriam - Goiânia

 

1. Breve histórico da AVVD-Beth Myriam (quando foi fundada e em que local funciona).

A casa AVVD-Beth Myriam de Goiânia localiza em Aparecida de Goiania, Rua 56 Quadra 194, Lote 25, Bairro Independência Mansões. Foi fundada no ano 2000, por ocasião da visita do Pe. Fanan ,diretor espiritual de Vassula naquela época,em visita a Goiânia ,para uma palestra e uma oração de cura. Recebi o chamado através de Jesus que falou em meu coração, para abrir uma casa urgente. Apos a palestra do padre, fui conversar com o Beneval que o acompanhava na viajem. Ele me deu muito incentivo. Eu conhecia as mensagens ha apenas um mês, e havia lido uns três livros sobre Vassula. E quando liguei para Joinvile para saber mais informações sobre as mensagens , fiquei sabendo que naquele dia o Beneval estava em Goiânia junto com o diretor espiritual de Vassula, para uma palestra. Fui à palestra, e quando o nome Beth Myriam entrou em meus ouvidos eu senti que era comigo aquele pedido de Jesus.Essa palestra foi no dia 26 de julho de 2000. Aluguei uma casa por 80 reais por mês, ganhamos algumas cadeiras e no dia 5 de agosto do mesmo ano, servimos o primeiro lanche e rezamos o terço. Exatamente 10 dias apos o chamado, o projeto estava de pé.

 

Galeria de Imagens

Goiânia-Casa de Maria: servindo deliciosas guloseimas.
01
Goiânia-Casa de Maria: reunidos em oração.
02
Goiânia-Casa de Maria: servindo deliciosa refeição.
03
Goiânia-Casa de Maria: reunidos em oração.
04
Goiânia-Casa de Maria: fachada externa da casa.
05
Goiânia-Casa de Maria: reunidos para servir ao próximo com o Amor de Deus.
06
bm-goiânia: O Natal acontece com sua doação.
07
bm-goiânia: O Natal acontece com sua doação.
08
bm-goiânia: O Natal acontece com sua doação.
09
bm-goiânia: O Natal acontece com sua doação.
10
bm-goiânia: O Natal acontece com sua doação.
11
bm-goiânia: O Natal acontece com sua doação.
12

 

2. Número de voluntários/voluntárias

Hoje trabalhamos com 10 voluntários.

3. Número de pessoas atendidas

Temos 70 famílias cadastradas, mas durante a semana atendemos em média cerca de 100 pessoas (em média 400 pessoas por mês).

4. Atividades realizadas pela AVVD-BM

Realizamos a leitura das Mensagens de Jesus. Fazemos tratamento dentário gratuito, e temos um bazar com preços bem acessíveis. Distribuimos remédios.

5. Número de refeições servidas

Em média de 100 refeições por dia (cerca de 1.200 por mês).

6. Tipo de refeições servidas

Servimos sopa e comida 2 vezes por semana e um lanche no sábado.

7. Dias e horários de funcionamento durante a semana

Segunda de 14 as 17.30h.; Quarta: de 14 as 17.30h.; e Sábado: de 14 as 18 horas.

AVVD-Beth Myriam - Belo Horizonte

AVVD-Beth Myriam - Belo Horizonte

 

1. Breve histórico da AVVD-Beth Myriam (quando foi fundada e em que local funciona).

Tão logo soubemos que Jesus havia pedido a Vassula a criação das Beth Myriam, o Grupo-Mãe de AVVD em Belo Horizonte passou a discutir a melhor forma de concretizar o divino desejo de Deus. E foi na Igreja do Menino Jesus, no Bairro Santo Antônio, que tudo começou. Altino Motta dos Santos, paroquiano, ali estava para uma reunião e encontrou-se com Nilza Santos, líder comunitária da Vila Marçola, uma das muitas comunidades carentes localizadas no Complexo de Vilas da Serra.

A primeira Casa de Maria foi inaugurada em outubro de 2003, na Vila Marçola, depois de muito esforço e solidariedade dos irmãos de AVVD. A segunda foi inaugurada em novembro de 2007, na Vila Fátima, uma das partes mais pobres do Complexo de Vilas da Serra.

Em todos esses anos, as casas de Maria têm funcionado ininterruptamente, de segunda a sexta-feira, fornecendo uma deliciosa e nutritiva sopa e também pães para todos os que ali vão diariamente se alimentar: moradores das vilas, moradores de rua, pessoas desempregadas, doentes, viciadas, enfim, expostas a várias situações de fragilidade social. Além dos alimentos, as casas de Maria de Belo Horizonte doam roupas, sapatos, agasalhos, móveis, cestas básicas e tudo o mais que ali chega por meio de doações.

As AVVD-Casas de Maria de BH também se tornaram pequenos altares, acolhendo imagens católicas que frequentemente são encontradas jogadas pelas ruas ou nas latas de lixo. As voluntárias também realizam vendas de roupas e outros objetos usados em um bazar para arrecadação de fundos, fabricam sabão e doces para ajudar no sustento das AVVD-Beth Myriam.

Muitos testemunhos de Milagres e de incontáveis Graças somam-se mensalmente no dia-a-dia das casas de Maria de Belo Horizonte. Curas físicas, conversões, curas espirituais, auxílios oportunos para um emprego, para quitar dívidas ou conseguir moradia; para a união de casais e de famílias inteiras.

Tudo isso é motivo de muitos louvores nas nossas reuniões de oração que acontecem nas manhãs de quinta-feira.

 

Galeria de Imagens

Belo Horizonte-Casa de Maria: reunidos em oração.
01
Belo Horizonte-Casa de Maria: servindo a deliciosa e revigorante sopa.
02
Belo Horizonte-Casa de Maria: atendendo aos mais necessitados.
03
Belo Horizonte-Casa de Maria: reunidos em oração.
04
Belo Horizonte-Casa de Maria: reunidos em oração.
05
Belo Horizonte-Casa de Maria: reunidos em oração.
06
BM-BH: Almoço das sextas-feiras: sopa deliciosa, muito saudável e servida com muitos pães. Uma alegria
07
BM-BH: Almoço das sextas-feiras: sopa deliciosa, muito saudável e servida com muitos pães. Uma alegria
08
BM-BH: Almoço das sextas-feiras: sopa deliciosa, muito saudável e servida com muitos pães. Uma alegria
09
BM-BH: Almoço das sextas-feiras: sopa deliciosa, muito saudável e servida com muitos pães. Uma alegria
10
BM-BH: Almoço das sextas-feiras: sopa deliciosa, muito saudável e servida com muitos pães. Uma alegria
11
BM-BH: Almoço das sextas-feiras: sopa deliciosa, muito saudável e servida com muitos pães. Uma alegria
12
bm-bh-natal: O Natal acontece com sua doação
13
bm-bh-natal: O Natal acontece com sua doação
14
bm-bh-natal: O Natal acontece com sua doação
15
bm-bh-natal: O Natal acontece com sua doação
16

 

2. Número de voluntários/voluntárias

20 voluntárias.

3. Número de pessoas atendidas

aproximadamente 2.500 por mês.

4. Atividades realizadas pela AVVD-BM

Distribuição de sopa, pão, roupa, calçados, brinquedos, grupo de oração de adultos com leitura das mensagens da AVVD, comemorações do Dia das Crianças e Natal com almoço especial e celebração de Missa.

5. Número de refeições servidas

Aproximadamente 10.000 pratos de sopa por mês.

6. Tipo de refeições servidas

Sopa (carne ou frango, legumes, macarrão, fubá, mandioca), pão, café e leite. Às vezes, doce de sobremesa.

7. Dias e horários de funcionamento durante a semana

Segunda a sexta-feira, das 7 às 14 horas.

AVVD-Beth Myriam - Brasília

AVVD-Beth Myriam - Brasília

 

1. Breve histórico da AVVD-Beth Myriam (quando foi fundada e em que local funciona).

No Distrito Federal a 1ª AVVD-Beth Myriam iniciou na cidade satélite do Recanto das Emas. Foi um período de aproximadamente cinco anos foi muito frutuoso. O grupo da AVVD se revesava para Evangelização e atendimentos. Aos sábados servíamos o almoço para aproximadamente 80 pessoas e tinhamos uma catequese para as crianças (umas 30) e uma evangelização para as mães. Fazíamos confraternização de Natal com a Santa Missa. Por um período de 02 anos ficamos sem a AVVD-Beth Myriam e em um Retiro da AVVD em 2008, algumas pessoas foram tocadas para que retomássemos com a Beth Myriam. Foi um bom caminho de Oração para que o Senhor nos mostrasse o outro local. Mas Ele mostrou, o grupo teve o entendimento e começamos a nos preparar para abrir a 2ª Beth Myriam do Distrito Federal que está na cidade satélite do Itapoã. Foi em setembro de 2009 que inauguramos. Funcionou durante 5 anos em uma casa alugada. Recentemente mudamos para a sede própria, inaugurada em 19 de setembro de 2014.

 

Galeria de Imagens

Brasília-Casa de Maria: servindo a deliciosa e revigorante sopa.
01
Brasília-Casa de Maria: saboreando a deliciosa e revigorante sopa.
02
Brasília-Casa de Maria: fachada externa da casa.
03
Brasília-Casa de Maria: símbolo da casa.
04
Brasília-Casa de Maria: mensagem para reflexão.
05
Brasília-Casa de Maria: reunidos em oração.
06
Brasília-Casa de Maria: reunidos em oração.
07
Brasília-Casa de Maria: reunidos em oração.
08
bm-bsb-natal: O natal acontece com sua doação
09
bm-bsb-natal: O natal acontece com sua doação
10
bm-bsb-natal: O natal acontece com sua doação
11
bm-bsb-natal: O natal acontece com sua doação
12

 

2. Número de voluntários/voluntárias

Contamos com 01 voluntário e 14 voluntárias.

3. Número de pessoas atendidas

E uma resposta dificil. pq se uma pessoa vai comer e leva uma vasilha com sopa para casa, outras 4 ou 5 também serão alimentadas com esta sopa.

4. Atividades realizadas pela AVVD-BM

A Atividade principal é a elaboração da Sopa. Mas contamos também com atendimento Médico. Temos Pediatra, Ginecologista e Psicóloga. Neste final de semana iniciamos o Bazar da AVVD-Beth Myriam que será todo o 2º sábado do mês.

5. Número de refeições servidas

Hoje estamos servindo a sopa às segundas, quartas, quintas e aos sábados. Na média são 100 pratos de sopa servidos no refeitório e uns 300 que são levados. Uma média de 400 pratos de sopa por dia o que daria na média uns 1.300 pratos por semana, pois às 5ª feira ele só levam para casa.

6. Tipo de refeições servidas

No momento só servimos um nutritivo sopão que pode ser com carne moída, macarrão e 10 legumes ou com frango, arroz e 10 legumes.

7. Dias e horários de funcionamento durante a semana

Funciona para o Sopão às segundas, quartas, quintas e sábados à partir das 10:30h até 12:30h. Os consultórios funcionam da seguinte forma: Toda Quarta-feira das 8:30 às 12:00 com a psicóloga e de quinze em quinze dias às quintas-feiras das 14:00h às 17:00h para Ginecologia e Pediatria. O Bazar será sempre no segundo sábado de cada mês pela manhã.

Metas para 2015. Pretendemos retomar com o Projeto Mãe Carinhosa e confeccionar peças do enxoval na AVVD-Beth Myriam. Pretendemos também iniciar cursos de artesanatos para a comunidade.

BETH MYRIAN - (Casa de Maria)

 

Testemunhos

 

Testemunhos - Beth Myrian de Monterrey

"Meu nome é Osíris, eu pertenço à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (mórmons) e me sinto muito grato por ter chegado a esta Beth Myriam onde não há distinção entre as pessoas, raça, ou religião. Sinto o amor que emana de todos vocês. Os olhos de vocês são iluminados e têm neles um brilho especial, porque vocês são como anjos nas Mãos de Deus." Quero compartilhar um pensamento com vocês: "Nunca deixe de realizar uma boa obra, porque você não sabe quando você pode ser a resposta às orações de alguém". Muito obrigado, porque quando cheguei aqui e vi a maneira como vocês nos tratavam, eu pensei que havia chegado no Céu. Que Deus os abençoe.

Testemunho Beth Myriam de Belo Horizonte MG

Um mendigo escreveu uma carta, de agradecimento em atenção recebido na Casa de Maria de Belo Horizonte MG. Para maior compreensão, transcreveremos a carta já com o português corrigido.

 

bm testemunho es

 

Na carta ele diz: -Aqui vai um pedido de um homem sem teto para morar e sem lugar para se esconder da chuva e do vento e sem família, mas ganhei uma grande família. Quando uma pessoa me chamou: - Oh, colega: Eu fiquei sabendo que tem uma Dona Maria que dá comida pra gente. Vamos lá pra gente comer, eu disse: - Onde que nesse mundo alguém lembra de um pobre miserável como a gente para dar de comer? E ele disse: - Tem mais: ela dá roupa também. Dizem que lá é muito bom. Eu de fome não vou morrer. Eu fui, de tanto ele insistir. Enfim, quando eu vi, era na casa que os pobres que passam por lá comem muito bem. Este lugar é um pedaço de fartura, de carinho, ternura, em que todo mundo lava as mãos, reza para a gente comer. Eu não sabia rezar, mas aprendi depressa. Quando eu saí de lá, eu fiquei pensando: - Será que eu morri e Deus está cuidando de mim? Voltei no dia seguinte: a mesma coisa. No dia 11 de janeiro deste ano, passei mal dentro da Casa de Maria, vomitando sangue. As Marias 2 estavam servindo, largaram tudo para me dar socorro. Tem uma Maria que chamou o Samu 3, parece que chovia muito, ela nãoarredou o pé de mim.Enquanto as outras serviam, ele cuidava de mim. Fiquei internado um mês, já estou de volta para minha Casa de Maria. Durmo na rua, mas fome eu não passo, nem frio, porque existe a Casa de Maria. Não tenho papel para escrever, por isso que escrevi aqui 4. Que o mundo veja esta carta que eu escrevo para Maria. Sou mendigo, ninguém me escuta, mas no cantinho do coração dos doadores existe muito amor para uma casa dessa existir. Que Deus abençoe esta casa e todas as Marias que ajudam. Na minha oração, à noite, eu falo assim: "Deus cuide das Casas de Maria junto com todos os doadores."
Amém.

2 ”Marias" são as voluntárias que preparam a comida e servem a refeição. Os pobres que comem na Beth Myriam chamam todas de Maria.
3   Serviço de Atendimento Móvel de Urgência
4   Ele escreveu na caixa de papelão que usava para dormir.

 

­